12
jul

Nestes tempos de mudanças quase alucinantes, um dos grandes problemas enfrentados pelos profissionais como um todo, e especialmente pelos profissionais de engenharia, é a rápida obsolescência de seus conhecimentos.

Por ter como objeto principal de sua forma√ß√£o a informa√ß√£o tecnol√≥gica, o engenheiro v√™ a import√Ęncia do que aprendeu na faculdade cair em tempo muito curto. Poucos anos ap√≥s sua formatura, boa parte do que aprendeu como estado da arte j√° estar√° ultrapassado.

Para que isso n√£o ocorra, o profissional deve manter-se constantemente atualizado atrav√©s de cursos, congressos, feiras e o contato com outros profissionais da √°rea. Este “manter-se atualizado” √© chamado de educa√ß√£o continuada e deve ser constante at√© o fim da carreira do profissional.

O Brasil carece de cursos ou programas de educação continuada para a maior parte das áreas da engenharia. Portanto, mesmo que o engenheiro deseje, não encontrará formas de manter-se atualizado. A maior parte dos cursos de especialização ou extensão, por exempo, é relacionado a gestão e não a técnica.

Para cobrir parte deste vácuo, a Mixing Consultoria vem oferecendo já a alguns anos cursos livres sobre o projeto, a fabricação e a inspeção de vasos de pressão e sobre sistemas de agitação de fluidos. Estes cursos são constantemente atualizados e tem oferecido aos participantes ótimos resultados em termos de informação tecnológica.

Consulte www.mixing.com.br para maiores detalhes.

Tags: , , ,

Coment√°rios